Desnutrição é um problema endêmico no mundo, resultado tanto da fome quanto da obesidade – DrªMarcia Tornavoi

 

Aquela ideia antiga de que porque você e o seu filho são gordinhos, portanto estão bem nutridos, vem caindo por terra há alguns anos e hoje, sabemos que não é verdade.

Segundo o Relatório Global de Nutrição de 2016, baseado num estudo realizado em 129 países, 44% dos países enfrentam “níveis muito severos” de subnutrição e obesidade. Isso significa que uma em cada três pessoas no mundo sofre de algum tipo de desnutrição.

Tradicionalmente, a desnutrição está associada às crianças que estão passando fome, apresentam problemas de crescimento e são mais suscetíveis à infecção. Porém, os autores do relatório destacaram o “escalonamento do desafio global” representado pelo aumento da obesidade. Segundo eles, a alta ocorre em todas as regiões do globo e praticamente em os países.  Centenas de milhões de pessoas estão desnutridas apesar de apresentam sobrepeso, além de ter muito açúcar, sal ou colesterol no sangue.

A professora Corinna Hawkes, co-responsável pela pesquisa disse: “o estudo redefiniu o que mundo pensa sobre  o que é estar desnutrido”.

A desnutrição significa literalmente uma nutrição ruim – ou seja, quem não se alimenta adequadamente“.

Segundo o levantamento, o número de crianças abaixo de cinco anos com sobrepeso está se aproximando do de crianças abaixo do peso.

“Vivemos em um mundo onde ser desnutrido é a nova norma”, diz Lawrence Haddad, outro responsável pela pesquisa. “É totalmente inaceitável”, acrescenta.

O relatório pede mais financiamento e comprometimento político para enfrentar o problema. Segundo a pesquisa, US$ 1 gasto em programas de incentivo à nutrição resulta em US$ 16 em benefícios para a população.

Os cuidados com a nutrição, e a reposição adequada de nutrientes podem salvar sua vida em momentos de epidemias como a que estamos vivendo hoje. Não jogue com sua saúde, aposte na prevenção e venha se cuidar.

FONTE: https://www.bbc.com/portuguese/geral

Drª Marcia Tornavoi – Médica Nutróloga e Médica Bio-FAO. -CRM 58771 RQE 40397

São Paulo 11 3813-2261      

São Paulo 11 988483218

Deixe seu comentário

Dra Márcia Tornavoi 
Nutróloga e Homeopata

Graduada pela Faculdade de Medicina Estadual de São Jose do Rio Preto S.P. (FAMERP).

Membro da ABRAN (Associação brasileira de Nutrologia).

Titulo de especialista pela AMB/ABRAN. RQE 40397

Membro do Instituto de Homeopatia BioFAO

Postagens Recentes

Siga nosso Facebook
Nosso Youtube

Receba novidades em seu email